Um fórum de RPG interpretativo com tema futurista, livre para quem se interessar e que utiliza de um sistema simples para que qualquer jogador possa entender.
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
SIDA
Admin
avatar

Mensagens : 474
Data de inscrição : 29/07/2015

Database
HP:
1/1  (1/1)
EP:
1/1  (1/1)
EXP:
1/1  (1/1)

MensagemAssunto: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Ter Jan 08, 2019 8:58 pm

No centro de Hydaria, em Nayyvez, está o lar dos Sulivayr. O enorme castelo é uma construção imponente e rudimentar, ainda que o poder da família corra perigo. Com o nome e o dinheiro que já tiveram, o tamanho da moradia já muito antiga não era algo tão chocante quanto parece hoje. Seu interior é tão grande quanto aparenta, ou até mesmo maior, contando com inúmeros cômodos. Ainda que fragilizados, a casa ainda é protegida por seguranças e funcionários circulam por aí durante todo o dia.

Estranhamente, o dia parece mais calmo do que o normal na residência dos Sulivayr. É como se todos os compromissos e toda a agitação estivessem em hiato, ao menos até o momento. As irmãs estão em uma enorme sala de estar dedicada apenas ao uso delas e de seu irmão mais novo. E dessa vez, estão completamente sozinhas ali, coisa que raramente acontece. Nem mesmo o irmão mais novo das garotas está por perto para incomodá-las.

A decoração do cômodo é delicada e minimalista, apesar de já ser um pouco antiga. Próximo à janela, há dois sofás grandes e confortáveis em tons pastéis, contando com um painel de HUD logo a frente que pode ser usado para entretenimento ou até mesmo para o estudo. O lado oposto do espaço é dedicado apenas aos instrumentos musicais, os quais todos os filhos foram ensinados a tocar desde muito pequenos. Além disso, há também uma mesa grande cercada por cadeiras, que muitas vezes é utilizada para as variadas aulas de Sorelle.

Com todos os "equipamentos" do quarto, elas podem assistir ou ler algo no painel, ouvir uma música ou talvez até tocar os instrumentos. Caso precisem de algum dos empregados, é necessário apenas pressionar um pequeno botão ao lado do sofá e alguém virá prontamente verificar o que desejam. Ao menos, podem fazer qualquer coisa até que alguma obrigação real chame mais alto.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://greyage.forumeiros.com
Sorelle Sulivayr

avatar

Mensagens : 14
Data de inscrição : 07/01/2019

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Ter Jan 08, 2019 11:41 pm

A mais velha permanecia sentada, trocando sua visão entre a janela e os objetos encontrados na sala. Seu rosto estava fechado, como sempre. Aqueles não a conheciam bem (99% dos moradores do castelo, tirando seus pais, os professores e os guardas que sempre estiveram com ela) poderiam achar que sua expressão fosse desprezo ou puro nojo quando, na verdade, era apenas um leve tédio.

Evitava olhar muito para a irmã, não sabia como iniciar uma conversa apesar de sempre ter vontade de o fazer. Suspirou, encarando alguns dos instrumentos.
Estranhamente calmo, não acha? 
Tentou. Não aparentava, mas estava nervosa. Charlotte sempre aparentou ter um pequeno desdém por Sorelle.


Última edição por Sorelle Sulivayr em Qua Jan 09, 2019 12:24 am, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Charlotte

avatar

Mensagens : 42
Data de inscrição : 16/12/2018

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Qua Jan 09, 2019 12:08 am

Charlotte e Sorelle raramente viam uma à outra, uma vez que cada uma estava ocupada demais com seus próprios deveres para terem a oportunidade de interagir. Na verdade, era como se a mãe tentasse evitar a todo custo o contato entre ambas.

Cada uma tinha tarefas extremamente diferentes: Enquanto Sorelle precisava se preocupar com a coroa, Charlotte tinha o dever de se tornar uma esposa perfeita. Perfeita e intocável, mas a segunda parte era quase no sentido literal se tratando da moça.

Mas qual o sentido de amar alguém que você não pudesse tocar? Simples, Charlotte já havia entendido que não seria amada. Na verdade, nunca foi. O casamento servia apenas para unir ambas as famílias, então sabia que ela seria trocada e deixada de lado por uma amante qualquer ou pela mulher que o príncipe realmente amasse, afinal, ele poderia muito bem já estar interessado em outra mulher visto a diferença de idade.

A indagação de sua irmã a arrancou de seus devaneios, fazendo com que deixasse de tocar a harpa subitamente, apenas para encontrar a expressão de desprezo da mais velha.

Sorelle sempre teve tudo que Charlotte ansiava, especialmente a afeição dos pais. A irmã era a peça chave, a esperança do clã, enquanto Charlotte era apenas uma peça situacional e descartável, e sua mãe já havia deixado isso bem claro.

E mesmo que um dia viesse a ser amada, não seria capaz de sentir o calor de um abraço.

Mas, se tratasse Sorelle com desdém, provavelmente teria consequências negativas, especialmente com a mãe.

- Deve ser graças aos preparativos de sua coroação. - Não chegou a olhar para a irmã, mantendo-se cabisbaixa encarando as cordas do instrumento. Seu tom havia soado educado, talvez frio e formal demais.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sorelle Sulivayr

avatar

Mensagens : 14
Data de inscrição : 07/01/2019

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Qua Jan 09, 2019 12:30 am

Ficou feliz por receber um resposta, já que raramente ouvia a voz da irmã. Acreditava que a voz de Charlotte era extremamente melódica, mesmo que baixa e em tom frio. 

Sempre achei que o castelo fosse ficar um caos, por isso estranho a situação.

Continuou, não queria deixar a conversa sumir. Sempre sentiu-se sozinha por questão dos deveres, não teve amigos nem sequer brincou com a irmã. Com seus 10 anos de diferença, entretanto, não sabia quais assuntos a garota acharia interessante. Encarava-a com o canto dos olhos, uma vez ou outra.

 Acho que nunca cheguei a perguntar algo assim, mas… recebeu alguma notícia sobre o seu casamento? Sei que o acordo apenas se confirmará quando tiver 18 anos, mas não custa nada adiantar assuntos pendentes. Isso é, se houver assuntos pendentes.

Sentia-se estranha, teve diversas aulas de diplomacia e conversação, mas encontrava-se perdida perante a irmã. Talvez fosse o fato de que se sentia levemente desconfortável com a situação. Ou sejam simplesmente os nervos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Charlotte

avatar

Mensagens : 42
Data de inscrição : 16/12/2018

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Qua Jan 09, 2019 12:39 am

Charlotte pareceu encarar o chão por mais tempo que o normal, cerrando os dentes com força. Ela não queria se casar com um completo desconhecido, e mais se sentia vendida do que noiva. Se pudesse, teria fugido do castelo e desfeito completamente dos vínculos com o clã, mas com aqueles cabelos e olhos... Era praticamente se oferecer para ser capturada.

- O que você faria se fosse obrigada a se casar com alguém que nunca conheceu, e além disso, nunca pudesse tocar essa pessoa? - Respondeu a pergunta com outra pergunta, claramente evasiva. - Você nunca a viu, e provavelmente nunca sentirá nada por ela, e nem o prazer carnal se tornaria possível. Você manteria o casamento por um bem maior?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sorelle Sulivayr

avatar

Mensagens : 14
Data de inscrição : 07/01/2019

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Qua Jan 09, 2019 12:52 am

Desta vez, encarava a irmã, seu rosto mudando da expressão de tédio para uma séria e levemente melancólica enquanto ouvia resposta. Pelo tom da menina, talvez não devesse ter perguntado nada relacionado ao casamento. Ou talvez tenha feito bem, uma vez que sabia que ninguém mais ouviria as queixas da mesma.

Tudo que conheço é a família. Tudo que eu tenho me foi dado por ela, cuidados, educação, comida, moradia. Acredito que eu manteria o casamento, mas eu sei muito bem que não fui criada como vocês e talvez recebesse uma opção de escolha.

Suspirou. Ouvia os rumores e os sussurros sobre o tratamento diferenciado que recebia dos irmãos. Sempre recebera tudo que queria, desde que se dedicasse total e completamente para seus deveres. Como não conheceu nada além disso, sempre acreditou em tudo que lhe era dito.

Apesar de achar que casamentos arranjados apenas nos acorrentam e tiram de nós a chance de escolha de um bem ainda maior. Você praticamente ficará submissa de alguém a quem não conhece os ideais, e vice versa. Infelizmente, agora que o acordo está quase selado, não temos muito mais o que fazer, quebrá-lo pode piorar ainda mais a nossa situação tanto financeira quanto social. 

Seu rosto ficava ainda mais melancólico, como quem quisesse pedir desculpas. Realmente gostaria de ajudar a irmã, mas seria contra tudo que acredita e espera fazer da vida: reerguer o status da família.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Charlotte

avatar

Mensagens : 42
Data de inscrição : 16/12/2018

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Qua Jan 09, 2019 1:04 am

Pela primeira vez em muito tempo - talvez até mesmo pela primeira vez em toda sua vida -, os olhos de Charlotte se encontraram com os de Sorelle. Perfurantes, frios e firmes, quase onipotentes e prontos para cortar uma parede de mármore apenas com o olhar. Diferente da irmã, a coloração dos olhos de Charlotte era de um tom vibrante e hipnótico, como os de um predador que utilizava da atração como a maneira de cercar suas vítimas.

- Não, nossa mãe também me deu uma segunda opção. - E sorriu, mas de forma alguma era um sorriso amigável ou sequer positivo. Pelo contrário, carregava vestígios de melancolia e deboche, quase de caráter mórbido. - Eu poderia fugir, ninguém da família impediria ou buscaria por mim.

O que também significava que não fariam nada se Charlotte fosse capturada, ou melhor, sabiam que ela seria. Haviam oferecidos suficientes opções para ela, mas todas piores que o casamento.

E as últimas palavras de Sorelle realmente fizeram com que a jovem cerrasse os punhos, construindo novamente uma muralha em torno de si mesma.

- Então por que você não se casa no meu lugar? - Deixou escapar um murmúrio. Aquilo era algo que a garota não deveria ter dito, e se alguém ouvisse ou chegasse até os ouvidos da mãe... seria terrível, assustadoramente nefasto.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sorelle Sulivayr

avatar

Mensagens : 14
Data de inscrição : 07/01/2019

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Qua Jan 09, 2019 1:20 am

Encarava os olhos da irmã, sempre achou que eles lembravam os olhos de sua mãe, mas com certeza não falaria isso em voz alta. Ambos são perfurantes e frios, a única diferença é que os de Charlotte eram levemente banhados em frieza o tempo inteiro, enquanto os de sua mãe apenas se tornam frios quando ela está falando com seus irmãos. 
Seu rosto entristeceu-se, porém, com a resposta da garota. Via aquele sorriso quebrado e debochado e sentia culpa. 
Até, então ouvir a pequena e baixa conotação feita pela irmã. Não sentiu-se ameaçada ou afrontada, sentiu-se ainda mais culpada. Entretanto, não se deixou abalar.

E entregar a família para um ser com um cérebro dez vezes pior do que os peixes que comemos? Acho difícil. Sem ofensas, claro.

Respondeu, em um tom igualmente baixo e levemente debochado. Sentia orgulho da educação e dos planos que tinha para a família, não iria deixar um retardado qualquer sujar ainda mais seu nome.

E não se preocupe, acredito que só eu ouvi.
Falou, notando o leve nervosismo da garota.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Charlotte

avatar

Mensagens : 42
Data de inscrição : 16/12/2018

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Qua Jan 09, 2019 1:29 am

Com a resposta da irmão ao murmúrio, Charlotte quase replicou com um "E que diferença existe entre ele e você?", mas se conteve, mantendo apenas nos pensamentos. Depois da irmã ter ouvido a primeira afronta, decidiu não "pensar alto demais", evitando dar voz à ideia. Não precisava de mais uma "lição da mamãe", especialmente dada as consequências. Perder o tato já havia sido suficiente para Charlotte aprender a não contrariar a mãe.

Apenas balançou a cabeça em um sinal indecifrável, voltando a tocar a harpa como se nunca tivessem tido aquela conversa.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sorelle Sulivayr

avatar

Mensagens : 14
Data de inscrição : 07/01/2019

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Qua Jan 09, 2019 1:36 am

Ficou encarando a irmã baixar a cabeça, agora sem mais assuntos. Apenas ouvia o doce som da harpa enquanto se levantava e procurava por notícias na HUD. 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
SIDA
Admin
avatar

Mensagens : 474
Data de inscrição : 29/07/2015

Database
HP:
1/1  (1/1)
EP:
1/1  (1/1)
EXP:
1/1  (1/1)

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Qua Jan 09, 2019 2:55 pm

A primeira página de notícias encontrada por Sorelle é um site que mistura algumas notícias locais com notícias importantes do restante da galáxia. Além de, claro, notícias inúteis e duvidosas com destaque mínimo, localizadas no fim da página. Basicamente, coisas como "Descubra como emagrecer 15kg em 1 semana com uma dieta exclusiva a base de Algas".

Nas notícias principais, entretanto, a jovem pode encontrar coisas mais interessantes. Desde o ataque em Gradopolis há pouco não existia outro assunto sobre o qual a mídia esteja falando, talvez por ter sido um dos maiores acontecimentos nas últimas décadas, no mínimo.

"Reconquista assume ataque em Gradopolis e novo braço da facção rebelde é revelado: Confira aqui o vídeo em primeira mão."

"Atentado terrorista: Estima-se que dezenas de pessoas foram afetadas por substância misteriosa durante o Festival de Gradopolis."

"Médico está trabalhando na cura da substância usada pela Reconquista no ataque à Gradopolis."

Mas nada disso se compara a notícia em destaque no site, algo muito mais revelante não só para Nayyvez, mas principalmente para as garotas. A notícia está em letras enormes e é acompanhada pela foto de um jovem Huun, aparentemente pertencente à nobreza como elas.

"Urgente: O filho único dos Scalaidhe, Sten, está oficialmente desaparecido há 48h. A família está inconsolável e teme que ele tenha sido capturado pelos mercadores que comercializam as preciosidades dos Scalaidhe: seus cabelos e olhos, vendidos ilegalmente. Os oficiais afirmam que as buscas não serão encerradas."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://greyage.forumeiros.com
Charlotte

avatar

Mensagens : 42
Data de inscrição : 16/12/2018

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Qui Jan 10, 2019 12:57 am

Com a notícia de última hora, a doce melodia na harpa cessou subitamente. As mãos trêmulas de Charlotte lentamente se afastaram das cordas, com os olhos arregalados focados na HUD.

Sentiu como se houvesse levado uma pancada no estômago, num misto de nervosismo e medo. Numa tentativa falha de manter a postura, cerrou os punhos com tanta força que suas unhas perfuraram levemente a pele da palma, fazendo com que o sangue escorresse junto à um doce e inconsolável perfume característico da raça.

Por um momento, sentiu-se divagando para fora de seu corpo, enfrentando uma terrível dificuldade de se concentrar. Encarava o HUD com uma expressão de pavor, respirando cada vez com mais dificuldade.

Queria sentir pena do ocorrido, mas a maior preocupação de Charlotte era com sigo mesma: Agora que Sten estava desaparecido - e provavelmente morto -, Charlotte não era mais necessária.

Isso poderia acontecer com qualquer um da raça. Poderia ter sido ela.

Tremia de raiva, mas não era capaz de se livrar do medo inconsolável que sentia com aquela notícia.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sorelle Sulivayr

avatar

Mensagens : 14
Data de inscrição : 07/01/2019

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Qui Jan 10, 2019 3:44 pm

Encarava as notícias sobre Granopolis com a mesma expressão de tédio de antes, já havia ouvido falar o suficiente dessa questão. Gostaria de poder ajudar a população, mas, infelizmente, não tinha muito o que fazer a respeito.

Sua expressão mudou no momento que viu a foto de Sten. Correu os olhos sorrateiramente para olhar a irmã, que parecia paralisada. Não sabia identificar se era medo, raiva ou simplesmente pena. Apenas sabia que era algo ruim.

Então lembrou-se da pequena frase que a mais nova havia dito: 
"Eu poderia fugir, ninguém da família impediria ou buscaria por mim. " 

Seus olhos novamente se tornaram melancólicos. Não tinha muita intimidade com a irmã, mas aproximou-se para tentar consola-la ao colocar sua mão na dela, apenas para levar um choque, rapidamente afastando a mão com o susto e então encarando-a.

... Ele ainda não foi dado como morto. Mesmo que seja provável. Nossa mãe não é burra de fazer o pior quando ainda existe chances - mesmo que pequenas - dele voltar.

Em sua mente, já pensava de que forma poderiam oferecer ajuda para receber uns minutos de fama.

Se ela tentar, eu tento convencê-la do contrário. Eu juro… E sinto muito por ter te tocado, foi no calor do momento.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Charlotte

avatar

Mensagens : 42
Data de inscrição : 16/12/2018

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Qui Jan 10, 2019 4:39 pm

Notou Sorelle se aproximando para consolá-la um pouco em cima da hora, vociferando um "Não me toque!" na tentativa de alertá-la do choque, mas a expressão de Charlotte apenas contribuiu para acentuar a rispidez do ato, como que friamente rejeitando o toque da irmã logo após presenteá-la com um pouco de descarga elétrica. Charlotte era incapaz de controlar a liberação do seu campo magnético por não sentir a eletricidade na própria pele, então sempre evitava contato físico.

Logo após a grosseria, recolheu o próprio corpo, abraçando-se na tentativa de recobrar a serenidade. Depois de longos minutos sem reação, Charlotte parecia ter voltado ao humor de sempre.

- Se ele foi capturado, ele não vai voltar. - Friamente declarou depois de um longo suspiro, cruzando os braços logo abaixo dos seios. - Se estiver morto, muito menos. É otimismo demais da sua parte, Sorelle.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sorelle Sulivayr

avatar

Mensagens : 14
Data de inscrição : 07/01/2019

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Qui Jan 10, 2019 4:51 pm

Inclinou a cabeça para o lado, meio séria, enquanto encarava a irmã.

Ele não precisa voltar para usarmos a história a nosso favor. Se você permanecer aqui, podemos criar um drama tão falso quanto um casamento arranjado. "A noiva do príncipe capturado." Podemos criar ainda mais estigmas contra a caça da nossa raça. Otimismo talvez, mas eu prefiro a palavra oportunista. 

Suspirou.

Sei que seria te usar ainda mais, mas pelo menos você teria a desculpa para não falar mais sobre o casamento na frente da mídia ou em questões diplomatas. Um simples "isso me afetou muito, não consigo falar sobre o assunto" basta. E não seria uma total mentira, afinal, te afetou mesmo. A mamãe gosta de ser vista, gosta da atenção. Que atenção melhor do que a noiva que ficou viúva antes mesmo de casar?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
SIDA
Admin
avatar

Mensagens : 474
Data de inscrição : 29/07/2015

Database
HP:
1/1  (1/1)
EP:
1/1  (1/1)
EXP:
1/1  (1/1)

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Qui Jan 10, 2019 5:45 pm

O conflito entre as irmãs é interrompido por três batidas na porta do cômodo onde estão. Provavelmente as notícias já haviam chegado e circulado por todo o castelo mais rápido do que elas poderiam imaginar. É claro que elas não precisariam receber notícias pessoalmente, mas se tratando de algo tão importante para os Sulivayr, obviamente não passaria em branco.

A porta é aberta, revelando um de seus mordomos. É Or'an, um Huun de origem humilde e cuja família inteira trabalha em algum dos "departamentos" do castelo. Ele é jovem, mas sua origem não ajuda muito em seu visual. Sua cabeça lembra muito a de um peixe e, apesar de isso não ser estranho em Nayyvez, parece no castelo onde estão alguns dos últimos de raça pura. Ele limpa a garganta antes de abaixar seu tronco em um cumprimento formal. Ele parece nervoso por estar na presença das princesas, e ainda bastante desajeitado.

P-princesas — Ele começa, antes de voltar a postura habitual. — T-talvez vocês já estejam sabendo, mas venho informar com muito pesar que Sten Scalaidhe está desaparecido há 48 horas e a família não tem nenhuma notícia dele. Mas todos os soldados mais fortes de Hydaria estão indo a procura do príncipe e estão dispostos a dar suas vidas para salvá-los, não se preocupem. S-sinto muito, de qualquer maneira.

Seu texto parece estar decorado, mas a última parte parece sincera. Ele suspira profundamente, pegando um pequeno tablet que usa como bloco de notas em seu bolso para então continuar a passar os recados vindos de cima.

C-certo, a Majestade também pediu para que eu avisasse algumas coisas. Parece que vocês tem alguns compromissos mas... Onde é que estava mesmo? — Ele procura, dando alguns toques na tela do aparelho, nervoso com a situação. — A-ah, estão aqui. Então... Princesa Sorelle, a senhorita terá que fazer alguns testes na sala onde costumava ter aulas de diplomacia, lá embaixo. Não sei direito do que se trata, mas provavelmente é por conta de sua coroação. E princesa Charlotte, você... Droga, tinha algo pra você, tenho certeza... — Ele procura mais, frustrado consigo mesmo. — Ah, sim. Você vai ter que fazer uma simulação de sobrevivência, e partirá em uma hora. Acho que seus pais estão preocupados com tudo isso... Mas não tenho mais informações. Estou falando demais, né? Desculpem por tomar tanto o tempo das senhoritas. — Ele se envergonha e não consegue evitar de desviar o olhar para baixo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://greyage.forumeiros.com
Charlotte

avatar

Mensagens : 42
Data de inscrição : 16/12/2018

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Qui Jan 10, 2019 9:32 pm

Charlotte já estava prestes a debochar do quão idiota soava o discurso da irmã, mas - felizmente - o mordomo interrompeu-a antes que pudesse abrir a boca para falar algo. Tomando ainda mais distância de Sorelle, a jovem adotou uma postura defensiva, parecendo completamente inabalada com o ocorrido, totalmente o oposto de como reagira momentos atrás. Por dentro ainda estava em cacos, mas, ao menos por fora, queria transparecer transparência. Não precisava de outro ponto fraco que pudessem usar contra ela.

Ouvindo o que o mordomo tinha a dizer, Charlotte se abraçou com ainda mais força, cerrando os dentes enquanto fitava o próprio antebraço.

Não gostava nem um pouco da palavra "sobrevivência", especialmente vinda dos pais.

- Entendido. - Apenas proferiu com frieza e impassividade.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sorelle Sulivayr

avatar

Mensagens : 14
Data de inscrição : 07/01/2019

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Qui Jan 10, 2019 9:42 pm

Afastou-se da irmã assim que a porta se abriu, tomando sua postura ereta e de cabeça erguida de sempre. 
Não sabia se havia conseguido aliviar os pensamentos da irmã, mas tinha quase certeza de que iria receber algum deboche em retorno. Apenas suspirou, encarando o mordomo com uma expressão mais gentil do que a que tinha no rosto antes.

Assentiu com a cabeça ao ouvir seus compromissos, mas ficou levemente preocupada com a irmã após ouvir os dela. Podiam não ter intimidade alguma, mas sentia-se culpada pela maneira que Charlotte era tratada. 

Entendido. — Repetiu em uníssono, logo mais esboçando um sorriso para o mordomo. Não era genuíno, mas fora treinada para isso, então era 99% igual a um sorriso verdadeiro.

... Nos vemos depois, então. Não se preocupe tanto. — Disse, não querendo ser muito pessimista. Fez uma pequena saudação com a cabeça para o mordomo e se dirigiu à sala onde costumava ter suas aulas.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
SIDA
Admin
avatar

Mensagens : 474
Data de inscrição : 29/07/2015

Database
HP:
1/1  (1/1)
EP:
1/1  (1/1)
EXP:
1/1  (1/1)

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Sex Jan 11, 2019 2:51 pm

O jovem abre espaço para que Sorelle passe, saindo do caminho respeitosamente até que a garota rume às escadarias que levam ao andar inferior da enorme construção onde fica a sala indicada para o teste. Ele já começa a fechar a porta do cômodo mais uma vez para deixar Charlotte sozinha e permitir que ela se prepare para a simulação, mas no meio do processo se interrompe e enfia sua cabeça na fresta ainda aberta para anunciar a última parte do recado, desajeitado.

Ah! Princesa Charlotte, quando estiver quase na hora de sair virei te avisar. Você não vai até lá sozinha, é claro. Não durante o caminho, pelo menos... — Ele percebe que deve estar dizendo besteiras demais, então acena sem jeito para a filha dos chefes. — Bom, de qualquer maneira, não se preocupe! Com licença, senhorita! — Dispara, retirando-se e fechando a porta logo em seguida.

Conforme Sorelle caminha até o cômodo, pode perceber que a movimentação na casa está realmente quase nula, até um pouco vazia. Provavelmente seria por conta dos preparativos de sua coroação mesmo, já que faltam apenas poucos dias para que o grande e tão esperado evento enfim aconteça. É claro que todos os preparativos poderiam ser mais conturbados com a notícia do desaparecimento de Sten, mas não seriam interrompidos assim.

A sala onde a mais velha costumava ter aulas  quando mais nova é suficientemente espaçosa e bonita, mas também muito simples. Foi feita assim para dar a filha um lugar confortável para seu aprendizado, mas ainda de uma forma que o ambiente não tirasse toda a sua atenção. Há uma mesa comprida no centro da sala e alguns armários nos cantos. Ela ainda está vazia quando a princesa chega, ainda estando adiantada para o início.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://greyage.forumeiros.com
Charlotte

avatar

Mensagens : 42
Data de inscrição : 16/12/2018

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Sex Jan 11, 2019 3:43 pm

Charlotte friamente acenou com a notícia do mordomo, procurando não dar muita atenção nem preocupar-se demais. Estava pessimista, é claro, mas, se acabasse pensando mais do que deveria, acabaria exausta antes mesmo de começar o treinamento.

Apenas desejava não ter que encontrar sua mãe lá. Sorelle logo se tornaria uma rainha, mas e Charlotte? O que ela teria que fazer agora que seu noivo poderia estar morto?

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sorelle Sulivayr

avatar

Mensagens : 14
Data de inscrição : 07/01/2019

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Dom Jan 13, 2019 6:01 pm

Caminhava pelos corredores de maneira delicada mas rápida, não gostaria de deixar ninguém esperando. Continuava estranhando a movimentação desacelerada do castelo, ainda mais perto da coroação. Acreditava que este momento seria o momento mais conturbado do castelo, mas pelo jeito estava errada. 

Apenas entrou na sala para então deparar-se com ninguém, logo se dirigindo para a grande mesa, passando a mão levemente por cima dela e então para a janela do cômodo. Ficou encarando os corais e prestando atenção nas movimentações aos redores do castelo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
SIDA
Admin
avatar

Mensagens : 474
Data de inscrição : 29/07/2015

Database
HP:
1/1  (1/1)
EP:
1/1  (1/1)
EXP:
1/1  (1/1)

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Dom Jan 13, 2019 10:46 pm

Sorelle pode passar alguns minutos desfrutando do silêncio e da bela visão das algas e corais especiais do jardim real. Entretanto, aos poucos a princesa pode ouvir o som crescente de passos vagarosos acompanhados por uma muleta que faz o piso já um pouco antigo do corredor ranger, denunciando que alguém aproxima-se. Provavelmente é a pessoa que disseram que irá aplicar seu teste, mas quem quer que seja, demora muito mais tempo do que deveria para chegar até a sala.

A figura finalmente se revela quando para em frente à porta do cômodo onde está a filha mais velha dos Sulivayr. É uma mulher Huun, com o corpo e cabeça mais próximos de um sapo do que da forma humanoide mais comum, denunciando que ela não pertence à etnia da garota e parece vir de um lugar distante dali. Ela é provavelmente a pessoa mais velha de sua espécie que Sorelle já viu, com sua bengala de madeira que claramente não foi esculpida com muita precisão e suas roupas simples completam sua imagem de anciã. Seus olhos de anfíbio revelam a ligeira confusão que sente ao ver a imagem da garota.

Então é aqui que se esconde a futura rainha? — Ela pergunta com um leve sorriso, mas parece engasgar com algo logo depois e tosse várias vezes seguidas, até que se recupere. — Imagino que seus pais tenham te falado, mas por causa da minha sabedoria milenar eu testarei seu conhecimento hoje, e serei sua nova conselheira caso você mereça. Mas não se engane, só porque sou sábia não quer dizer que esteja velha! Muito pelo contrário, continuo em forma e com uma memória perfeita, heh! — Ela fala de maneira devagar e sua voz é carregada de rouquidão. — Aliás, onde fica o banheiro daqui? — Questiona, segurando sua lombar brevemente e entregando que está sentindo dor ali.

Anciã:
 

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Charlotte pode passar seu tempo com tranquilidade e se também preparar para o tal teste de sobrevivência até que o momento de sair enfim chegue e o mordomo volte para lhe convocar, como ele prometeu que faria. Uma corrente mais fria de água entra pela janela do cômodo, que tem vista para parte do jardim de algas e corais cuidadosamente cultivados pelos funcionários do castelo, a mando de sua mãe, é claro. Ela pode notar o tempo passando, com o horário sempre sendo mostrado no painel de HUD no centro da sala.

Seu tempo sozinha parece cada vez se tornar mais curto, quando passam-se exatamente 45 minutos depois do aviso sobre o teste ela pode ouvir sons de passos se aproximando com certa cautela da porta. Três batidas, e ela já pode imaginar o que está por vir. A porta mantem-se fechada, mas a voz levemente desafinada do funcionário desajeitado retorna à seus ouvidos, anunciando que já está perto da hora de sair.

C-com licença, princesa. A senhorita já está pronta? A majestade pediu que você vá para o local do teste em no máximo 10 minutos. — Ele avisa, incerto por pressionar a garota como lhe foi pedido.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://greyage.forumeiros.com
Sorelle Sulivayr

avatar

Mensagens : 14
Data de inscrição : 07/01/2019

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Seg Jan 14, 2019 4:16 pm

Virava e se dirigia para mais perto da porta conforme os passos iam chegando mais perto. Mantinha as mãos dadas em frente ao seu corpo, como muitas vezes fora instruída. Por míseros instantes, encarou e analisou a senhora dos pés à cabeça, logo mais curvando-se para saudá-la.

Ficou ligeiramente preocupada com as tosses da mulher, mas ficou um pouco aliviada ao ver que a mesma continuava a falar e não se importava muito com a situação.

É um prazer conhecê-la. Agradeço por tirar um pouco de seu tempo para vir até aqui. — Encarou-a por mais alguns segundos, logo continuando. — A senhora está com dor? Eu posso lhe acompanhar até o banheiro, o castelo é grande e não gostaria que você acabasse se perdendo.

Se fosse um dia comum, não teria tanta preocupação, afinal os corredores sempre teriam alguns empregados para ajudá-la a se encontrar. Infelizmente, hoje está um pouco diferente e a anciã aparentava estar meio mal.

Caso a anciã aceitasse ser acompanhada, Sorelle indicaria a direção do cômodo e esperaria que ela saísse primeiro, para depois sair e direcioná-la até o banheiro.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Charlotte

avatar

Mensagens : 42
Data de inscrição : 16/12/2018

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Seg Jan 14, 2019 8:47 pm

Charlotte observava a rara movimentação que ainda havia no jardim, com alguns dos empregados fazendo a manutenção do jardim a mando da rainha.

Havia começado a ler fanfics para passar o tempo até que fosse chamada, parando apenas com as novas instruções.

Diferente dos passos firmes e elegantes de Sorelle, o andar de Charlotte mais parecia frio e mordaz, provavelmente reflexo do seu estado de espírito. Caminhava de maneira lenta, porém efetiva e silenciosa.

Seguindo o indicado, chegou no local do teste.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
SIDA
Admin
avatar

Mensagens : 474
Data de inscrição : 29/07/2015

Database
HP:
1/1  (1/1)
EP:
1/1  (1/1)
EXP:
1/1  (1/1)

MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   Seg Jan 14, 2019 10:18 pm

A idosa não parece ligar muito para o tratamento extremamente educado que a garota lhe oferece, na verdade, acha aquilo uma besteira. Não por ter algo pessoal contra a princesa, apenas por saber que o tratamento cortês sempre é dado pelo costume e pelos ensinamentos das famílias, não por realmente respeitar os outros. A mulher ri alto, mas sua tosse lhe atrapalha novamente.

Não se preocupe com isso, quando eu era jovem como você era forte como ninguém, e todos requisitavam a presença da incrível Ùna. Agora acham que estou velha e só me procuram para receber conselhos. — Ela retira a mão da lombar quando a garota percebe que está com dor. — Tudo bem, mas precisamos ir rápido. Acho que sua mãe não gostará se demorarmos muito aqui...

Ùna segue a garota pelo caminho que ela indica, mas os passos da anciã são vagarosos e ela demora demais para chegar a qualquer lugar. É como se ela tomasse uma eternidade apenas para alcançar o banheiro.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O mordomo leva Charlotte até a frente do castelo, onde está estacionado uma espécie de pequeno submarino aberto, não tão tecnológico quanto as naves utilizadas para sair do planeta. Ainda assim é considerado uma das maiores tecnologias existentes em Nayyvez. Ele sinaliza para que a princesa entre no veículo, no banco de trás. O motorista chega em alguns minutos, e parece muito com o mordomo, provavelmente é seu pai.

— Princesa. — O homem cumprimenta com sua voz grave, seguido de uma breve referência antes de assumir a cadeira do motorista.

A filha do meio pode notar a presença de sua mãe na janela de seu quarto, no último andar do castelo, observando-a. O mordomo, apreensivo, tira uma venda de seu bolso e faz menção de colocá-la na garota.

C-com licença, princesa. Ordens da rainha, você não pode ver o caminho para não voltar para casa sem terminar a missão. — Ele pede pronto para colocar a venda na Huun.

A matriarca encara a filha com seus olhos frios, como os da mais nova. Ela assente para incentivar ou até tentar obrigar a menina a fazer o que lhe foi ordenado, com medo de que se recuse a fazer o exercício.


Última edição por SIDA em Ter Jan 15, 2019 12:13 am, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://greyage.forumeiros.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Estrelas do mar - Irmãs Sulivayr
Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Filho de Héracles
» Praia dos Fogos ♠ Local Público Oficial ♠
» Caminho pelas estrelas
» [CAERN] Clareira Central
» Enfermaria da Grandine

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
A Era Cinzenta :: Zona RPG :: Campanhas livres-
Ir para: